Dicas para não perder o direito ao seguro desemprego

Seguro Desemprego. Dicas para não perder o direito ao seguro desemprego, em função do prazo para dar entrada no benefício e do reemprego.

POSTAGEM ATUALIZADA com as regras do Seguro Desemprego, válidas a partir de 17/06/2015 – Lei 13.134/15

O trabalhador que for dispensado sem justa causa e tiver direito ao seguro desemprego deve tomar alguns cuidados para não perder o benefício:

1) O prazo de 120 dias para dar entrada no seguro desemprego começa no dia subsequente à data da dispensa e não à data da saída

Alguns trabalhadores começam a contar o prazo para dar entrada no seguro desemprego a partir da data da saída da carteira de trabalho e acabam perdendo o direito ao benefício, por ultrapassar o prazo de solicitação, já que a data da saída pode ser posterior à data da dispensa, ou seja, na data da saída o prazo já pode estar em curso.

Não perder seguro desemprego

Vejamos…

Quando o funcionário é demitido, na data da saída da carteira de trabalho sempre é considerado o tempo do aviso prévio, seja ele trabalhado ou indenizado, já que a data da saída representa a data da rescisão do contrato de trabalho.

Na data da dispensa só é considerado o tempo do aviso prévio se esse for trabalhado, já que a data da dispensa representa a data do último dia efetivamente trabalhado.

Assim, se o aviso prévio for trabalhado, as datas de saída e dispensa serão iguais, mas, se o aviso for indenizado, a data da dispensa será anterior, fazendo com que a contagem do prazo de 120 dias comece antes da data da saída.

A data da dispensa pode ser verificada no campo 13 da guia do seguro desemprego.

Exemplos:

a) O funcionário é avisado da demissão em 15/09/2012, com aviso prévio trabalhado de 30 dias:

Data da saída da CTPS = Data da rescisão do contrato = 15/10/2012;
Data da dispensa = Data do último dia trabalhado = 15/10/2012;

O prazo dos 120 dias começa a ser contado em 16/10/2012.

b) O funcionário é avisado da demissão em 15/09/2012, com aviso prévio indenizado de 30 dias:

Data da saída da CTPS = Data da rescisão do contrato = 15/10/2012;
Data da dispensa = Data do último dia trabalhado = 15/09/2012;

O prazo dos 120 dias começa a ser contado em 16/09/2012.

2) O prazo de 120 dias para dar entrada no seguro desemprego não é interrompido no reemprego

Muitos trabalhadores, após a dispensa, não entram com o pedido do seguro desemprego, porque preferem primeiro procurar um novo emprego.

A lei garante o direito ao seguro desemprego, no caso de reemprego e posterior dispensa sem justa causa ou término de contrato por prazo determinado, desde que, no momento da solicitação do benefício, não tenha ultrapassado o prazo de 120 dias, contados a partir da data da dispensa do emprego que deu o direito ao seguro desemprego.

Acontece que, se o trabalhador ficar mais de um mês desempregado e se reempregar com contrato de experiência de 90 dias, por exemplo, não conseguirá dar entrada no seguro desemprego, se for dispensado ao término desse contrato, pois o prazo de 120 dias já terá passado.

Assim, se o trabalhador que ainda não deu entrada no seguro desemprego conseguir um novo emprego, deve somar o tempo que permaneceu desempregado com o tempo do contrato por prazo determinado ou do contrato de experiência desse novo emprego, para ver se não ultrapassa os 120 dias.
Se ultrapassar, deve primeiro dar entrada no seguro desemprego, para depois começar no novo emprego.

O ideal é encaminhar o pedido do seguro desemprego logo após a dispensa, se não houver um emprego em vista.

Exemplo:

O funcionário é avisado da demissão em 15/09/2012, com aviso prévio trabalhado de 30 dias:

Data da rescisão do contrato = Data da saída da CTPS = 15/10/2012;
Data do último dia trabalhado = Data da dispensa = 15/10/2012;

Ele não solicita o seguro desemprego e se reemprega, em 20/11/2012, com contrato de experiência de 90 dias;

Se esse trabalhador for dispensado ao término do contrato de experiência, não poderá solicitar o seguro desemprego, pois terá passado o prazo de 120 dias.




3) O intervalo entre a data da dispensa e o reemprego deve ser de pelo menos um (1) dia

É muito importante que, ao se reempregar, a data da admissão no novo emprego seja posterior à data da dispensa do emprego anterior, o qual deu origem ao seguro desemprego.

A lei diz que é necessário pelo menos 1 dia de desemprego entre um contrato e outro para caracterizar o desemprego.

Assim, se o funcionário é demitido e consegue um outro emprego com a data de admissão igual a data da dispensa do emprego anterior, não fica garantido o direito ao seguro desemprego desse emprego anterior, mesmo tendo sido demitido sem justa causa, pois não houve desemprego.

Exemplo:

O funcionário é avisado da demissão em 15/09/2012, com aviso prévio trabalhado de 30 dias:

Data da rescisão do contrato = Data da saída da CTPS = 15/10/2012;
Data do último dia trabalhado = Data da dispensa = 15/10/2012;

Ele se reemprega em 15/10/2012, com contrato de experiência de 90 dias.

Se esse trabalhador for dispensado ao término do contrato de experiência, não terá direito ao seguro desemprego, mesmo estando no prazo de 120 dias, pois não houve nenhum dia de desemprego entre os contratos.

É como se fosse um único contrato, com término de contrato por prazo determinado, o qual não dá direito ao seguro desemprego.

4) A contagem dos meses trabalhados e dos salários recebidos têm peculiaridades

A quantidade de meses trabalhados e de salários recebidos são requisitos para que o trabalhador tenha direito ao seguro desemprego. Saiba como contá-los, acessando Seguro Desemprego. Contagem dos meses trabalhados e salários.

Nesse artigo você conheceu algumas dicas para não perder o direito ao seguro desemprego, em função do prazo para dar entrada no benefício e do reemprego.

Prazos para Pagamento das Verbas Rescisórias

Saiba quais os prazos para pagamento das verbas de rescisão, lendo Prazo para pagamento da rescisão do contrato de trabalho.

Direitos de Quem é Demitido

Conheça os direitos, lendo Direitos de quem é demitido.

Download de Modelos de Currículo

Para baixar modelos de currículo, acesse Curriculum vitae. Baixe (download) curriculum vitae grátis.

Vagas de Emprego

Para obter vagas de emprego CLT e PJ da sua cidade, acesse Vagas de emprego CLT e PJ.

Se você gostou dessas informações, cadastre seu e-mail e receba as novas publicações do Emprego & Negócio.

Preencha seu e-mail:

Para concluir seu cadastramento, faça a confirmação no e-mail que será enviado a você.

Conheça a política de privacidade do assinante

Compartilhe com seus amigos


Artigos relacionados

370 comentários para Dicas para não perder o direito ao seguro desemprego


Comentários encerrados.

  1. Léia disse:

    oi, meu esposo foi dispensado sem justa causa de uma empresa no dia 24/04 e começou um contrato temporário no dia 25/04, no fim desse contrato ele pode juntar os dois e dar entrada no seguro desemprego ou não?

    • Emprego & Negócio disse:

      Léia,

      Se ele, ao ser demitido em 24/04, tinha direito ao seguro desemprego, ao término do contrato temporário poderá dar entrada no seguro desemprego da empresa anterior, desde que ainda não tenha passado o prazo de 120 dias da demissão em 24/04.

      Um abraço.

  2. karen disse:

    Boa noite,

    Pode me tirar uma duvida por gentileza,

    Fui demitida do meu emprego de 2 anos e 10 meses dia 01/08/2012 porém a entrada no seguro só foi feita em janeiro por autorização do juiz com 5 parcelas a contar de 03/02/2013 ainda tenho duas parcelas para receber porém começo a trabalhar 20/05/2013 gostaria de saber se ainda pego pelo menos a quarta parcela do seguro.

    • Emprego & Negócio disse:

      Karen,

      Nesse caso, a data a ser considerada é a data da dispensa e não a data da entrada do seguro desemprego.
      Assim, você receberá as 5 parcelas.

      Um abraço.

  3. Onicio disse:

    Ola tenho uma duvida trabalhei 10 meses em uma empresa e fui mandado embora sem justa causa e recontratado em outra so que nao colocarao nada na minha carteira de trabalho eu so assinei o contrato de trabalho mas nao colocarao nada na minha carteira e eu quero sair desse serviço agora como faço pra pegar o seguro sendo que o mesmo deve ter uns 60 dias soh.

    • Emprego & Negócio disse:

      Onicio,

      Eles têm que registrar na CTPS.
      Se você sair ao término do contrato e ainda não tiver passado o prazo de 120 dias da data de demissão do emprego de 10 meses, é possível solicitar o seguro desemprego.
      Se pedir demissão do emprego atual, não tem direito.

      Um abraço.

  4. Diego disse:

    Olá, trabalhei dois anos numa empresa e fui mandado embora, dia 15/03/2013 entrei com o pedido do seguro desemprego. Ao completar 45 dias depois da entrada do pedido meu seguro desemprego não foi pago. FUi esclarecido então que deveria fazer um curso online para receber o auxilio. Após fazer o curso recebi um aviso dizendo que o pagamento estaria disponível em 10 dias, porém quando faltavam 2 dias para receber arrumei novo emprego. Fiquei quase 2 meses sem receber e acumulando dívidas. Gostaria de saber se receberei ao menos a primeira parcela do seguro desemprego? Obrigado

  5. IVANI disse:

    OI… EU TRABALHEI 1ANO E 8 MESES NA MESMA EMPRESA. SAI DIA 01-12-12 E NAO DEI ENTRADA NO SEGURO DESEMPREGO, COMEÇEI TRABALHAR EM OUTRA EMPRESA DIA 08-03-13… SE ACASO EU FOR DEMITIDA TENHO DIREITO AO SEGURO DESEMPREGO?

    • Emprego & Negócio disse:

      Ivani,

      Somente se trabalhar até agosto, incluindo o aviso prévio, ou seja, a data da saída na CTPS tem que ser em agosto.

      Um abraço.

      • ivani disse:

        e se eu for demitida dessa empresa que estou com 3 meses, e logo em seguida entrar em outra e trabalhar mais 3 meses consigo receber? e soma a empresa anterior? para receber mais que 3 parcelas?

        • Emprego & Negócio disse:

          Ivani,

          Se houver continuidade de salários e for demitida sem justa causa da segunda empresa, tem direito.
          Para determinar o número de parcelas são somados todos os meses trabalhados nos últimos 36 meses, em uma ou mais empresas.

          Um abraço.

  6. SYRLADIA disse:

    oi tinha 2 anos e 4 meses em uma firma e pedir a conta agora estou trabalhando em outra quando vencer os 45 dias de experiencia posso pedir pra cancelar e ganhar o seguro ou só se a dona me demitir.

  7. diego disse:

    Boa tarde trabalhei em uma empresa durante 4 anos fui mandado embora e estou fora dela a mais ou menos 8 meses recebi o seguro nomal,me chamaram para voltar a trabalhar na mesma isto e legal ou terei que devolver o valor das parcelas do seguro que recebi? qual e o periodo que poderei voltar sem me causar problemas?

  8. Carla disse:

    Prezado(a) Sr(a), Boa Tarde!

    Estou recebendo o Seguro-Desemprego, recebi a primeira parcela. Tem uma empresa que trabalha com eventos e me candidatei, os eventos acontecem nos fins de semana, a empresa presta serviços para jogos, shows, mas nem sempre há vagas ou nem sempre as mesmas pessoas são selecionadas, pois são muitos candidatos, eles sempre variam. A empresa registra a carteira como trabalho temporário. Se eu trabalhar nesse eventos, eu perco o direito ao Seguro-Desemprego. Agradeço desde já a atenção.

    Att,

    Carla Alcantara

    • Emprego & Negócio disse:

      Carla,

      Se trabalhar, seu benefício será suspenso, a não ser que receba o equivalente a menos do que um salário mínimo mensal.

      Um abraço.

      • Carla disse:

        Prezados,

        A empresa paga por diária,por evento realizado, por exemplo: Entre os dias 09/05 e 12/05 haverá um evento, a diária paga será no valor R$ 100,00 totalizando R$ 400,00. Se eu no mês de maio trabalhar nesses quatro dias, totalizando os R$ 400,00, eu perco o Seguro Desemprego? Grata.

        Att,

        Carla

        • Emprego & Negócio disse:

          Carla,

          O valor hora será maior que um salário mínimo. Pode ser que bloqueiem. Verifique junto ao MTE.

          Um abraço.

  9. Ferreira disse:

    Boa tarde!
    Fui demitido em 11/12 e peguei a SD somente em 03/2013 atraves de homolagação onde o juiz determinou o quadrimeste a partir desta.
    Caso seja registrado a partir de hoje, tenho direito as parcelas vincendas,uma vez que ja recebi a primeira em 15/03/2013.
    Abc

  10. Luiz Henrique disse:

    Bom Dia,
    Estou registardo em uma empresa há 13 anos vou ser mandado embora se quando estiver recebendo o seguro desemprego eu abrir uma empresa vou perder o benefício ?

    • Emprego & Negócio disse:

      Luiz,

      O simples fato de abrir uma empresa não deve afetar o recebimento do seguro desemprego.
      Quando houver faturamento e desconto do INSS, seu benefício será suspenso.

      Um abraço.

  11. Michelle Cristine Ferreira e Silva disse:

    Boa noite após lê a matéria me surgiu uma duvida referente ao seguro desemprego para reemprego.Fui informada do meu aviso prévio em 04/01/2013(devido a empresa que eu trabalhava perdeu o contrato de serviço e o serviço foi passado para nova empresa) sendo que o ultimo trabalhando foi em 03/02/2013 porém a data da minha dispensa está como 06/02/2013(devido a nova lei). fui contratada na nova empresa no dia 04/02/2013 e a empresa vai me dispensar em 04/04/2013 no termino do contrato de experiência depois que li a matéria fiquei na duvida se vou consegui dá entrada no seguro desemprego. Pode me ajudar? desde já agradeço!!

    • Emprego & Negócio disse:

      Michele,

      A da saída na Carteira de Trabalho está 06/02/2013, mas deve ter uma anotação sobre o último dia trabalhado em 03/02/2013.
      Verifique a data da dispensa na guia do seguro desemprego. Se for 03/02/2013, você terá direito ao benefício.
      Se tiver 06/02/2013, não fica caracterizado desemprego entre os dois empregos, pois começou a trabalhar na nova empresa em 04/02/2013 e, como término de contrato de experiência não dá direito ao seguro desemprego, não terá direito.

      Um abraço.

  12. Leandro disse:

    Boa noite, gostaria que, por gentileza me ajudassem em uma dúvida?!! Trabalhei durante 6 anos e meio em uma empresa, de onde fui dispensado. Dei entrada no seguro mas ainda não recebi a primeira parcela e recebi proposta de outro emprego, no qual será temporário (2 meses). Caso eu seja registrado no novo emprego, com certeza perderei o direito do seguro, mas quando for dar entrada novamente no mesmo, as parcelas que receberei serão referentes ao emprego que fiquei mais tempo ou será referente ao novo emprego?!! Tanto em quantidades de parcelas e valor eu indago ?!! Será levado em conta o tempo de 6 anos e meio que fiquei sem receber seguro desemprego?!! Porque neste tempo, eu teria 5 parcelas para serem recebidas e o novo emprego trabalharei somente 2 meses, no qual não seria suficiente para receber seguro ?!! Desde já agradeço.. 🙂

    • Emprego & Negócio disse:

      Leandro,

      O período de aquisição do seguro desemprego desse primeiro emprego é de 16 meses (contados a partir da data da dispensa), tempo no qual não poderá dar entrada em um novo benefício de seguro desemprego.

      Quando começar o trabalho temporário de 2 meses, seu benefício será suspenso.
      Quando terminar o trabalho temporário, poderá querer a retomada do recebimento das parcelas. Veja http://empregoenegocio.com.br/seguro-desemprego-retomada-do-recebimento-das-parcelas/

      Nessa retomada, provavelmente, eles vão recalcular as parcelas restantes, levando em conta o salário trabalho temporário.

      Um abraço.

  13. Maiara disse:

    Olá Boa Tarde!

    Na minha carteira foi dado baixa dia 01/02/2013 e no dia 01/04/2013 fui reempregada com experiencia de 60 dias, porém não poderei mais ficar, ainda tenho direito ao seguro? eu não dei entrada por haver esta oportunidade de emprego…e se eu pedir pra sair, mesmo na experiência interfere na possibilidade de dar entrada no seguro, já que ainda não ultrapassou os 120 dias?

    • Emprego & Negócio disse:

      Maiara,

      Se rescindir seu contrato, não terá direito ao seguro desemprego.

      Um abraço.

      • Maiara disse:

        E se eu esperar o fim do contrato de experiência?….terei direito a dar entrada no seguro?…..porque terá acabado o prazo da antiga empresa…..a atual pode me fornecer alguma via que revalide isso?

        • Emprego & Negócio disse:

          Maiara,

          Infelizmente, se ao término do contrato de experiência já tiver passado os 120 dias de prazo da empresa anterior, não poderá dar entrada no seguro desemprego.

          Um abraço.

          • Maiara disse:

            É to vendo que me ferrei, antes tivesse dado entrada no seguro, fui aceitar este emprego, não gostei e agora não vou ficar….acabei perdendo o prazo….e olha que a empresa anterior demorou 1 mês e meio pra homologar tudo e quando entregou as vias estavam com a data de 1 mês e meio antes…sacanagem….é isso que o trabalhador brasileiro ganha dessas empresas e governo.

  14. AMANDA disse:

    olá, fui mandada embora dia 03/04/2013 se eu arrumar algum serviço temporario de 1 semana ou no maximo 1 mes eu perco meu seguro ???? lembrando q nao dei entrada ainda………obrigada

    • Emprego & Negócio disse:

      Amanda,

      Você tem 120 dias, a partir de 03/04/2013, para dar entrada no pedido.
      Você pode trabalhar nesse tempo, desde que não peça demissão.

      Se passar dos 120 dias, perde o direito. Não esqueça que não pode solicitar o benefício enquanto estiver trabalhando.

      Um abraço.

      • amanda disse:

        Obrigada….assim fico mais tranquila….rs pq todo mundo fala que se alguem me registrar por 2 dias eu ja perderia…amanha tenho uma entrevista de um servico que vai durar 1 mes e estava com medo de ir….mas agoraa eu vouuuu….rs valeuuu obrigadaaa mesmoo

        • Emprego & Negócio disse:

          Amanda,

          Pode ser que eles considerem o salário desse emprego de 1 mês para ser um dos 3 salários que determinam o valor das parcelas.

          Um abraço.

  15. Rafael disse:

    ola tenho uma duvida fui demitido dia 17/12/12 mas recebi o formulario do seguro desemprego somente em 14/03/13 e ja estava quase passando os 120 dias do prazo neste caso nao conta com o carimbo com a data da homologação? abraço

    • Emprego & Negócio disse:

      Rafael,

      Em 14/03/13 não tinham passados nem 3 meses. Agora já passou o prazo.

      Um abraço.

  16. Izabella disse:

    Em menos de um mês de desemprego fui registrada, tarbalhei 5 dias e desisti do emprego, ou seja perco o direito ao seguro desemprego.

    Se a parcela do seguro desemprego estiver liberda na caixa para que seja feito o saque, e eu retirar este dinheiro, quais os riscos eu corro?

    Terei que pegar multa?

    Ouvi dizer casos que as pessoas tiraram o dinheiro e não pagaram multa e nada ocorreu. Será que dá pra correr este risco?

    • Emprego & Negócio disse:

      Izabella,

      Se você ficou menos de 30 dias desempregada, antes de ser registrada novamente, não tem direito a essa parcela.
      Se sacar, vai ficar devendo ao INSS e não poderá solicitar o seguro desemprego novamente, antes que pague a dívida, a qual será cobrada com correção monetária.

      Um abraço.

  17. Rafael disse:

    Estou recebendo o seguro desemprego, mas fui aprovado num concurso público. Recebo no dia 14, mas devo tomar posse no dia 8. Eu terei que dar baixa para tomar posse, correto? Receberei o proporcional?

  18. Izabella disse:

    Olá!!
    Preciso de uma ajuda.

    Já dei entrada no seguto desemprego, porem ainda não recebi a 1ª parcela ainda.
    Iniciei em um emprego com contrato temporário, onde no final da carteiro em CONDIÇÕES GERAIS foi carimbado com a seguinte informação:
    O titular desta presta serviço temporário nos termos da lei 6,019 de 03.01.74 conformecontrato escrito em separado, exercendo a função de ….. a contar de 16/04/2013 como determina o art 10 da citada lei auferindo o salário de R$ por mês. Está anotação é em cumprimento ao artigo 12,1 da lei acima.

    Trbalhei na empresa durante uma semana, mas desistida vaga.

    Corro o risco de perder o meu direito do Seguro Desemprego?

    desde ja agradeço a atenção

    • Emprego & Negócio disse:

      Izabella,

      Como você pediu demissão, não poderá solicitar a retomada das parcelas.

      Um abraço.

      • Leonardo disse:

        Aproveitando a pergunta da ISabella. Gostaria de saber se perco o seguro desemprego trabalhado apenas 1 dia na empresa? detalhe nao assinei contrato e nem assinaram minha CTPS, entrei na empresa dia 1 de abril e desistir no dia seguinte. Tenho duas parcelas para receber dia 15 de maio e junho. Será que perco? pois a funcionaria disse que eles mandaram meu dados para caixa e que o sistema deles e todo interligado e que pode sser que eu perca o seguro desemprego

        • Emprego & Negócio disse:

          Leonardo,

          Provavelmente, você perderá o benefício já que constará reemprego.

          Um abraço.

  19. Joan Danilo disse:

    Olá,

    Fui dispensado pela empresa, cumpri aviso previo, parte trabalhado e parte em casa(conforme solicitação da empresa)
    Porém como a empresa pagou FGTS errado, depois faltou na audiencia no ministerio do trabalho. O problema é que ultrapassou os 120 dias e não consegui dar entrada no seguro.
    tudo isso no mês 4 de 2012. após 2 meses consegui um novo emprego, fui registrado e tudo mais.. após 3 meses, sai para outro emprego, em uma nova oportunidade. Porém passados quase 1 ano, ainda não tive meu seguro desemprego( por conta da minha empresa anterior, que fez pouco caso e passou os 120 dias )
    agora estou desempregado e ainda não tenho R$1,00 do seguro.
    Como devo proceder ? e Obrigado.. Abraço!

    • Emprego & Negócio disse:

      Joan,

      Fale com um advogado para ver a possibilidade de entrar com uma ação trabalhista contra a empresa anterior. Nesses casos, a empresa tem que indenizar o trabalhador com o valor que ele receberia de seguro desemprego.

      Um abraço.

  20. valfran disse:

    receberei minha 1 parcela do seguro em 23-04 quero saber se eu for registrado em 20-04 em uma empresa se perco a 1 parcela ou ate mesmo as proximas parcelas..

    Grato.

  21. Natache disse:

    Boa Tarde, foi falado vaaarias vezes que se a bolsa do estagio for menor que o salario minimo pode recebem o seguro. Mas, e se a bolsa do estagio for maior? Perde o direito ao seguro? Como devo proceder para pedir o cancelamento, ou sera cancelado automaticamente?

    • Emprego & Negócio disse:

      Natache,

      Normalmente, cancela automaticamente. Caso depositem parcelas indevidas, você não deve sacá-las.

      Um abraço.

  22. Rhayanna disse:

    Oi!! Meu esposo foi demitido sem justa causa dia 05.04.2013 não recebeu ainda nenhuma documentação, nem para saque de FGTS nem para dar entrada em SEGURO DESEMPREGO não deu baixa ainda em carteira, NADA!! Pois a empresa informou que esta resolvendo algumas pendencias para fornecer a documentação. Porém ele começou em CONTRATO DETERMINADO especificado na carteira em outra empresa que encerra dia 30.04.13 Ele poderá sacar o FGTS e dar entrada no seguro desemprego quando receber a documentação?? Grata

  23. cleber batista disse:

    Bom dia,trabalhei em uma empresa durante 6 anos,levei um ano para conseguir fazer a homologação consegui dar entrada no meu FGTS mais no decorrer desse tempo que eu estava tentando resolver as partes burocráticas da empresa na qual eu trabalhei fiz uma inscrição para micro empreendedor individual obtive CNPJ no qual não tem renda e não tem atividade nenhuma, mais por esse motivo não consegui ter direito ao auxilio desemprego no MTE fui informado que eu era contribuinte do INSS e por isso eu não teria direito ao beneficio o que eu devo fazer para resolver essa situação e conseguir receber o meu beneficio?

    tenha um bom dia
    agradeço pela ajuda

  24. Diego disse:

    Fui desligada da empresa no dia 05\12\12. Tenho direito a 5 parcelas do seguro desemprego, ja recebi 3, a proxima seria no dia 7 de maio, mas talvez seja admitido no dia 184\13. Queria saber se teria direito a receber essa parcela do inicio de maio?

  25. alex disse:

    bom eu trabalhei 24 meses fui demitido, dei entrada no seguro desemprego na caixa, pelo informado demora 40 dia pra receber apos entrada nos com documentos, mas com 33 dias apos a entrada, comecei num novo trabalho com experiencia em carteira de 30 dias com remuneração de 2 salarios minimo, posso pegar alguma parcela do seguro desemprego ou nao, CASO depois destes 30 dias eu nao passar na experiencia posso dar nova entrada no desemprego.

  26. Lygia disse:

    Boa tarde,
    Trabalhei 2 anos e 10 meses em uma empresa, fui demitida e recebi toda a documentação para dar entrada no seguro desemprego, porem devido a problemas da empresa, eu sai no dia 21/01 e só consegui fazer a homologação dia 27/03. O problema é que arrumei um emprego e fui registrada no dia 01/04. NÃO dei entrada no seguro, mas se eu quiser sair hoje, por exemplo, da empresa atual, posso dar a entrada com a documentação que tenho em mãos??

    • Emprego & Negócio disse:

      Lydia,

      Se pedir para sair, não poderá dar entrada no seguro desemprego.

      Um abraço.

      • Lygia disse:

        e se eles me dispensarem?

        • Emprego & Negócio disse:

          Lygia,

          Se eles a dispensarem ao término do contrato de experiência ou a demitirem sem justa causa e ainda não tiver passado o prazo de 120 dias da dispensa do emprego anterior, pode dar entrada no seguro desemprego.

          Se eles a demitirem sem justa causa e já tiver passado o prazo dos 120 dias, só poderá dar entrada no seguro desemprego se tiver recebido 6 salários consecutivos imediatos a data da dispensa desse último emprego. Como ficou sem consecutividade de salários entre um e outro emprego, terá que receber 6 salários consecutivos nessa última empresa para ter direito.

          Um abraço.

  27. Gislaine disse:

    Olá,meu esposo trabalhou 1 ano e meio em uma empresa, saiu e teve direito a 5 parcelas do seguro desemprego, qdo recebeu a última ele havia acabado de ser contratado em um novo emprego, tipo foi admitido dia 01/04/2012 e recebeu dia 20/04. Agora ele foi demitido, trabalhou 1 ano e 14 dias, ele terá direito a receber o seguro? por ter recebido esta ultima parcela, terá alguma burocracia. Lembrando que ele havia sido demitido do 1 emprego em outubro de 2011, e ficou desempregado até abril de 2012.

    • Emprego & Negócio disse:

      Gislaine,

      Pelo tempo de desemprego, ele teve direito a receber as 5 parcelas como recebeu. O fato de estar trabalhando quando recebeu a última parcela é irrelevante. O que importa é o tempo que permaneceu desempregado, para saber quantas parcelas poderia receber daquelas que tinha direito.

      Para saber se tem direito novamente, tem que ver o tempo de carência, que é de 16 meses, contados da data da dispensa do emprego que deu origem ao seguro desemprego anterior até a nova dispensa.
      Se o tempo for igual ou maior do que 16 meses, tem direito novamente.

      Um abraço.

  28. Nayara disse:

    Bom dia !!!
    Eu recebo seguro desemprego, gostaria de saber se eu fizer um contrato de estagio (remunerado) eu perco o seguro. Eu li na lei de estagio que ñ ha vinculo empregatício no estagio.

    • Emprego & Negócio disse:

      Nayara,

      Se receber menos que um salário mínimo no estágio, pode continuar a receber o seguro desemprego.

      Um abraço.

  29. Rafael disse:

    Boa Tarde! Fui demitido no dia 14/03/13 e trabalhei mais de 1 ano com carteira assinada. É a primeira vez que posso retirar o seguro desemprego. Porém, consegui uma vaga que pode se tornar um estágio se eu falar com o meu empregador. Se eu trabalhar agora como Estagiário, posso receber os 6 meses do seguro?

    Um abraço!

    • Emprego & Negócio disse:

      Rafael,

      Primeiramente, se você trabalhou 12 meses nos últimos 36 meses, vai receber 4 parcelas.
      Quanto ao emprego, se receber menos do que 1 salário mínimo, pode também receber o seguro desemprego, independentemente de ser ou não estágio.

      Um abraço.

      • Rafael disse:

        Bom dia,

        Sim, trabalhei 1 ano e 4 meses nesses últimos 36 meses.
        Então caso eu receba menos de 1 salário minimo poderei receber o seguro mesmo que eu esteja com a carteira assinada?

        Um abraço.

  30. Bruno disse:

    Então estou no seguro desemprego,assinei o contrato de temporario com uma empresa,eles ficharam minha carteira,mais so que eu nao começei a trabalhar ainda,se eu pedir pra sair com 48 horas depois de ter assinado o contrato eu vou perder o seguro desemprego?

    • Emprego & Negócio disse:

      Bruno,

      Se eles já enviaram as informações para o MTE, seu benefício será suspenso.

      Um abraço.

  31. Any disse:

    Preciso sanar uma dúvida com urgência. Já tirei outras dúvidas com vcs antes.
    Estou dentro do período de experiência do meu emprego e pedi para ser dispensada assim que acabasse o contrato (admissão em 15/01/2013 – término de contrato em 14/04/2013). Sei que não precisava dar aviso prévio por se tratar de um contrato de experiência, mas mesmo assim eu avisei ao meu chefe com uma boa antecedência (para eles providenciarem outra pessoa) que não tinha interesse em prolongar o contrato por prazo indeterminado (pedi demissão).

    Hoje (10/04/2013) recebi um comunicado do RH que dizia:

    “Comunicação de término de contrato de experiência

    À senhora Any C. G.,
    comunicamos o término do prazo do contrato de experiência com previsão de encerramento no dia 14/04/2013.
    INEXISTINDO INTERESSE DE NOSSA PARTE NA CONTINUIDADE DO REFERIDO CONTRATO DE TRABALHO, fica V. Srª dispensada de suas funções a partir do dia 11/04/2013, devendo comparecer imediatamente ao RH desta empresa com sua carteira para a baixa e quitação dos direitos trabalhistas no prazo de 24h após suas dispensa. ”

    Isto significa que eles irão me pagar até o dia 11/04/13??? Eles não deveriam me pagar até o dia 14/04 que é quando vence o contrato??

    A informação “INEXISTINDO INTERESSE DE NOSSA PARTE NA CONTINUIDADE DO REFERIDO CONTRATO DE TRABALHO” significaria que eles é que estão me dispensando?? E sendo assim, terei direito ao saque do FGTS?? A aux. do RH não soube me explicar. Apenas disse que eu não teria direito ao saque.

    Obrigada pela atenção!

    • Emprego & Negócio disse:

      Any,

      Provavelmente, vão pagar somente no dia 15/04/2013.
      Eles é que estão terminando o contrato e você poderá sacar o FGTS.

      Um abraço.

  32. Francisco Neto disse:

    Ola tudo Bem tenho uma duvida estou recebendo seguro mas enviei algums curriculos e tenho uma entrevista marcada para amanhã no caso a contratante marcou a entrevista no sine se eu não gostar da proposta de salario posso perder o beneficio caso não aceite o emprego?

    • Emprego & Negócio disse:

      Francisco,

      Pode perder, mas se o salário não for compatível com o salário do emprego anterior, você pode contestar, caso venha a perder o benefício.
      Se eles é que não lhe quiserem, não perde.
      O ideal é marcar as entrevistas sem envolver o SINE. Assim, não correrá o risco de perder o benefício, caso não lhe agradar a vaga.

      Um abraço.

  33. Michele disse:

    BOA TARDE!!!
    Uma duvida, tenho carteira assinada por dois anos, fui demitida. Consegui um estágio remunerado pelo CIEE, gostaria de saber, se posso encaminhar o seguro desemprego?

  34. Camila disse:

    Olá. Encaminhei o seguro desemprego. Porém farei um trabalho por hora e assinarei um contrato (sem CLT). Serão 36 horas de trabalho no período de 27/5 até 13/7. Eles pediram o número do meu PIS. E como estou sem carteira assinada descontarão INSS. Eu perco o benefício do seguro? Obrigada.

  35. claudia disse:

    BOA TARDE,
    GOSTARIA DE TIRAR UMA DÚVIDA. TRABALHEI EM UMA EMPRESA ANTERIOR DE 01/03/2011 À 30/10/2011 E RECEBI AS MINHAS 4 PARCELAS DO SEGURO. CONSEGUI UM NOVO EMPREGO: ADMISSÃO 01/08/2012 E FUI DISPENSADA NO DIA 08/03/2013 COM AVISO PRÉVIO TRABALHADO. CONSTA NA MINHA CARTEIRA E NA SOLICITAÇÃO DO SEGURO DESEMPREGO A DATA DE SAÍDA 07/04/2013. TEREI DIREITO EM RECEBER ALGUMA PARCELA DO SEGURO DESEMPREGO? JÁ CUMPRI O PERÍODO AQUISITIVO?
    DESDE JÁ AGRADEÇO

    • Emprego & Negócio disse:

      Olá Cláudia,

      Sim terá direito, pois já passou o período de carência de 16 meses entre a dispensa do emprego que deu origem ao seguro desemprego anterior e a atual dispensa.

      Um abraço.

  36. Letícia disse:

    Eu trabalhei 2 dias em uma empresa, por contrato de agência, só tem o carimbo do contrato na minha carteira, nesse caso, eu vou perder o seguro desemprego, ou continuo recebendo normal???

    • Emprego & Negócio disse:

      Letícia,

      Se eles informaram a sua contratação para o MTE, seu benefício será suspenso.
      Mas, se foi demitida, pode requerer a retomada do recebimento das parcelas. Se pediu para sair não pode pedir.

      Um abraço.

  37. MIchel Alves disse:

    estou com uma dúvida, trabalhei numa empresa por 2 anos, foi demitido no dia 14/02/2013 e a homologação foi marcada para o dia 21/03/2013 ou seja, fiquei mais de 1 mês desempegado, no mesmo mesmo dia que fiz a homologação saquei mês FGTS e 6 dias depois dei entrada no SEGURO DESEMPREGO, e a primeira parcela ficou marcada para o dia 26/04/2013, porém me surgiu uma oportunidade de trabalho registrado e a minha grande dúvida é: terei direito de receber pelo menos a primeira parcela se eu for registrado antes do dia 26/04? num todo terei ficado quase 3 meses desempregado, aguardando as datas que ME DETERMINARAM. Se puderem me responder o mais rápido possível ficarei grato, obrigado!

    • Emprego & Negócio disse:

      Michel,

      O que importa é o tempo que ficou desempregado. Verifique a data da dispensa (campo 13 da guia do seguro desemprego). Se o último dia trabalhado (data da dispensa) foi em 14/02/2013 e for admitido em 26/04/2013, ficará desempregado 71 dias e terá direito a receber 2 parcelas, mesmo estando trabalhando.

      Um abraço.

  38. tatiana costa disse:

    bom dia, dei entrada no meu seguro dia 08/03/2013 e ai fui informada que estava constando recurso 510, fui consultar o andamento no mte e estava lá indefirido e tal…sendo que hj fui consultar e está parcela a emitir, já posso sacar?

    • Emprego & Negócio disse:

      Tatiana,

      Tente, mas é difícil já terem analisado o recurso em tão pouco tempo.

      Um abraço.

  39. livia disse:

    bom dia gostaria de tirar uma duvida, eu trabalhei em uma empresa no periodo de 3 anos , como a empresa nao estava cumprindo os seus deveres entrei com uma açao trabalhista contra a empresa e fui dispensada em 23-01-2013 ( porem como a açao que esta na justiça eles ainda nao deram baixa na minha carteira, so farao isso na proxima audiencia), fiquei 2 meses desempregada e arrumei um outro emprego que começei dia 3-4-2013 ,´porem nao estou me adaptando, se eu pedir as contas desse novo emprego,tenho direito a receber o seguro desemprego do meu antigo trabalho?

    • Emprego & Negócio disse:

      Livia,

      Se o seu advogado pediu as guias do seguro desemprego, é provável que tenha direito ao tempo que permaneceu desempregada, já que você não entrou com o pedido logo após a demissão, porque não tinha a documentação necessária. Como pediu dispensa do último emprego, não poderá requerer as demais parcelas.

      Um abraço.

      • livia disse:

        ENTAO EU AINDA NAO PEDI DEMISSAO DESSE NOVO EMPREGO,MAS PROVALMENTE TENTAREI FAZER UM ACORDO PRA ELES ME MANDAREM EMBORA NO PERIODO DA EXPERIENCIA PELA FALTA DE ADAPTAÇAO DESSE NOVO, ASSIM TEREI DIRETO AO RESTANTE DAS PARCELAS DO SEGURO? OBRIGADA PELA ATENÇAO

        • Emprego & Negócio disse:

          Lívia,

          Se você sair por término de contrato, poderá solicitar a retomada das parcelas.

          Um abraço.

  40. Darlene disse:

    Boa noite, preciso muito de uma informação..
    Trabalhei em uma empresa 11 meses, e consegui fazer acordo para ser dispensada no dia 28/02/2013, pois arrumei novo emprego,como foi aviso indenizado, a baixa na carteira a data da saída foi 02/04/2013, fui admitida na nova empresa dia 05/03/2013, com contrato de experiência de 45 dias, como não gostei do novo trabalho, se eu não renovar o contrato no dia 18/04/2013, posso ainda dar entrada no seguro desemprego do outro vinculo????
    agradeço demais ajuda…

    • Emprego & Negócio disse:

      Darlene,

      Se a data da dispensa do emprego anterior foi 28/02/2013 e o cod de afastamento do TRCT do emprego atual for 04 (término de contrato de experiência), você pode dar entrada no seguro desemprego.

      Um abraço.

  41. Raquel disse:

    O 120• dia para dar entrada no seguro desemprego caiu sexta feira (feriado) consigo dar entrada na segunda feira, já que o ministério estava fechado?
    Obrigada!

    • Emprego & Negócio disse:

      Raquel,

      Consegue. Possivelmente, terá que entrar com um recurso, mas poderá dar entrada.

      Um abraço.

  42. Juliana Rodrigues disse:

    Olá!

    Fui demitida dia 23.01.13 da empresa em que trabalhava há mais de 1 ano. Consegui dar entrada no seguro-desemprego dia 28.02, portando recebo a 1º parcela dia 29.03. Arrumei estágio para começar a trabalhar dia 01.04 e o contrato é do CIEE que possui vinculo com a empresa e a faculdade, portanto a empresa não solicitou a minha carteira de trabalho e nem o PIS. Gostaria de saber se perco meu seguro-desemprego? Ou se ainda consigo pegar pelo menos umas 2 parcelas e se é imediato o cancelamento do seguro-desemprego? Os únicos documentos que a empresa solicitou foi o contrato de estágio retirado no CIEE, RG, CPF, Comp. de Endereço, Comp. de Matrícula e Tit. de Eleitor, mas não pediram a minha Carteira de Trabalho e nem o meu PIS. Por favor me ajuda, preciso saber se perco ou não o seguro imediato.

    • Emprego & Negócio disse:

      Olá Juliana,

      Pelo tempo de desemprego, você tem garantida 2 parcelas.

      Se o estágio tiver uma remuneração menor que 1 salário mínimo, continuará a receber o seguro desemprego.
      Caso contrário, pode ser que perca o benefício, dependendo do tipo de estágio, fazendo com que essas informações chegue ao Ministério do Trabalho e Emprego.

      Em todo o caso, se o estágio terminar antes de completar 16 meses da data da dispensa (23.01.13), poderá solicitar a retomada dos recebimento das parcelas restantes, conforme a seguinte postagem: http://empregoenegocio.com.br/seguro-desemprego-retomada-do-recebimento-das-parcelas/

      Um abraço.

  43. elly disse:

    Olá gostaria de saber se no site do MTE está parcela disponivel,quando posso receber se minha parcela cai na sexta(293\2013)e é feriado?

  44. Rafael disse:

    Boa tarde,
    Fui dispensado da empresa em que trabalhava e como era registrado em carteira tive direito ao seguro desemprego. Hoje dei entrada e vou receber 3 parcelas, porém logo em seguida me apareceu uma oportunidade de estágio.
    Gostaria de saber se sendo contratado como estagiário com o carimbo em carteira e contrato assinado perco o direito ao seguro?

    • Emprego & Negócio disse:

      Rafael,

      Se receber uma remuneração maior ou igual a um salário mínimo, seu benefício será suspenso.

      Um abraço.

  45. thaiane disse:

    ola bom dia fui desligada da empresa 03/01/2013 ate hj ñ fiz minha homologação e to com medo de perder meu seguro- desemprego. o que eu posso fazer desde ja obrigada

  46. Gisele disse:

    Olá, estou desempregada, e tinha direito à 4 parcelas de seguro desemprego. Recebi a 1ª em 18 de fevereiro e neste mês, quando fui sacar a segunda, apareceu a seguinte mensagem:Motivo: Percepção de renda própria: Contribuinte Individual.
    Eu possuia uma MEI, porém já dei baixa no CNPJ. Neste caso eu ainda consigo sacar o restante das parcelas?

    • Emprego & Negócio disse:

      Gisele,

      Você deve ir ao MTE e comprovar que não teve renda, mesmo possuindo uma MEI.

      Um abraço.

  47. Rose disse:

    Fui obrigada a pedir rescisão indireta por falta de recebimento do salario por 3 meses consecutivos, isso foi no incio de 2012, passou um ano,e só agora, consegui a atualização na CTPS, estava esperando esta liberação para entrar com o pedido de seguro desemprego. Até então a juíza não havia dado a sentença. O que faço? o advogado disse que esqueceu de pedir as guias. Ainda tenho direito? o que devo fazer?

  48. wesley moreira disse:

    foi mandado embora da empresa 07/02 na mesma semana eu arrumei(foi registrado) outro mas fiquei la menos de um mes eu ainda tenho direito ao seguro ? obg boa noite

  49. Thacia disse:

    Eu liguei no sindicato eles me informaram que vai consta reemprego e disseram para eu ir atá o Ministério do Trabalho dar entrada diretamente por lá que eles conseguiriam entrar com recurso e assim eu receberia as parcelas essa informaçaõ procede???

    Obrigada

  50. Thacia disse:

    Boa tarde,
    fui mandada embora no dia 06/02/2013, não fiz minha homologação ainda está marcada para o dia 09/04, porém comecei em um emprego temporário hoje não me adaptei, não foi o que me falaram e na agencia já me registraram como temporária mais eu vou dar baixa amanhâ pois como já disse não me adaptei com o local nem serviço quando eu for dar entrada no seguro dia 09/04 eu consigo?

    Desde já agradeço

    Obrigada

  51. Andréia disse:

    Fui demitida em 30 de outubro de 2012, tive que entrar na justiça para poder receber meu seguro porque não recebi minha recisão e nem tenho fundo de garantia depositado,vou receber minha primeira parcela em abril de 2013. Perguntei a atendente do sine se caso eu venha assinar minha carteira de trabalh se eu irei perder meu seguro? Ou se eu devo cancelar meu seguro, para depois não ter que pagar multa quando sair do trabalho caso venha assinar a carteira em seguida? A Atendente me informou que não haverá problemas, porque eu tenho direito garantido ao seguro porque estou desempregada ha mais de 5 meses.

    • Emprego & Negócio disse:

      Andréia,

      É isso mesmo, pois o seguro desemprego é referente ao período que permaneceu desempregada, após a demissão em 30/10/2012.

      Um abraço.

  52. willian motollo disse:

    Boa noite !!

    Preciso de uma ajuda, trabalhei em uma empresa 14 meses fui mandado embora 01,01,13, mas me colocaram de aviso trabalhado mas mesmo assim falaram que eu nao precisava ir, no dia 03,01,13 consegui um emprego na camara municipal e fizeram meu contrato com esta data 03,01,13 !!! entao que dizer que estava de aviso e consegui outro emprego, so que no dia 14,02,13 fui dar entrada no seguro desemprego com as via verde e marrom , pq tambem fui dispensado da camara municipal , agora fui receber o seguro que seria ontem nao caiu e acusa que estou trabalhando na camara , so que nao estou mais o que devo fazer ??? sere que perdi meu seguro ou devo dar entrada de novo com a resiçao de um mes e meio da camara ??? OBRIGADO !!!!

    • Emprego & Negócio disse:

      Willian,

      Dia 14/02/13 você já tinha que ter entrado com a documentação de dispensa da câmara.
      Vá ao SINE para tentar solicitar novamente o seguro. Pode ser que tenha que ir ao MTE para entrar com um recurso.

      Um abraço.

  53. silvanete ribeiro bispo batisrta disse:

    bom dia,fui demitidaem 05/11/2012 mais so recebir meus direitos em 11/02013 pela justiça,e dei entrada no seguro desenprego 21/02/2013 vou receber a 1 parcela 23/03/2013 se eu assinar minha carteira tenho direitos as outras parcela, sendo que vou receber 5 parcelas

    • Emprego & Negócio disse:

      Silvanete,

      Você vai receber o seguro desemprego referente ao período que permaneceu desempregada, após a demissão em 05/11/2012. Portanto, se conseguir um emprego agora, não vai influenciar no recebimento das parcelas. Confirme isso junto ao seu advogado ou com o MTE.

      Um abraço.

  54. Adna disse:

    Bom dia!
    Amanha vou dar entrada no meu seguro desemprego, e gostaria de saber se eu começar a trabalhar em outra empresa e a mesma assinar minha CTPS antes mesmo de receber minha 1ª parcela do seguro, será cancelado ou recebo pelo menos a 1ª parcela?
    Obrigado!

  55. renato disse:

    fui demitido em 13/11/2012.entaõ comseguir um novo emprego em 19/11/2012 mais fui demitido em 05/03/2013.até então não dei entrada no meu seguro será que eu poderia somar o tempo da empresa antiga com o da nova empresa e solicitar o meu seguro? será que ainda tenho direito a receber o seguro?

    • Emprego & Negócio disse:

      Renato,

      Você tem 120 dias, a partir da data da dispensa em 05/03/2013, para solicitar o seguro desemprego.
      Para determinar o número de parcelas, serão somados os meses trabalhados nos últimos 36 meses, em uma ou mais empresas.

      Um abraço.

  56. marco disse:

    OI, eu fui mandado embora, e arrumei outro trabalho, e esse trabalho não deu certo, por problemas de saúde, eu perco o direito de seguro desemprego?

  57. Cida disse:

    Boa tarde,
    fui demitida dia 25-12-2012, trabalhei 1 ano e 3 meses na empresa. Vou dar entrada no seguro desemprego dia 14-03-2013, pois o sistema da minha cidade é por marcação. Se eu trabalhar apos essa data por contrato temporário de 2 meses eu perco as parcelas do seguro ou posso receber todas as parcelas normalmente?

  58. cristiano disse:

    fui pegar minha 3ª parcela hj, ( fora do prazo de pagamento) mais no site minha parcela já está liberada, o que pode estar ocorrendo?

  59. Karine Souza disse:

    Boa tarde,

    “Gostaria de saber quando deixo de receber o meu seguro desemprego”
    Fui dispensada do emprego dia 20/11/2012 e a data da baixa na CTPS foi dia 20/12/2012 muitas coisas aconteceram e só dei entrada no meu seguro dia 07/01/2013, sendo assim recebi a primeira parcela dia 07/02/2013 e a segunda parcela eu receberia dia 09/03/2013 (Sábado), fui a caixa com o meu cartão cidadão hoje 10/03/2013 (Domingo) e não consta nenhuma deposito, gostaria de saber se ainda posso receber a alguma parcela do seguro ou se já foi bloqueado uma vez que eu já arrumei outro emprego e já estou registrada des do dia 14/02/2013.

    Muito obrigada, e aguardo retorno.

    Abraços,

    • Emprego & Negócio disse:

      Karine,

      Segunda-feira estará depositada a segunda parcela. Pelo tempo de desemprego, poderá receber 3 parcelas daquelas que tinha direito.

      Um abraço.

      • Karine Souza disse:

        Fui lá na caixa hoje e não continua constando o pagamento, sai um comprovante de transação não efetivada e lá embaixo do comprovante escrito ” Seu seguro-desemprego foi depositado em sua conta N. xxxxxxxx-x, na caixa em 07/02/2013 (Data da primeira e única parcela que já recebi), se realmente não receber posso recorrer no Ministério do Trabalho e Emprego, é Direito meu receber essas próximas parcelas, mesmo eu já estando em outro serviço?

        Vale a pena eu procurar um advogado?
        Estou desesperada, estou contando com esse dinheiro…

        ME AJUDA!!!

  60. junior disse:

    boa tarde fui demitido 12/12/2012 dei entrada no seguro dia 08/01/2013 mas fui admitido dia 01/02/2013 eu ja recebi duas parcelas recebo mais algua mas o eu ja estou devando a segunda parcela